PROFESSOR E MESTRE LUIZ MÁRCIO IMENES PALESTROU PARA REDE MUNICIPAL DE LUÍS EDUARDO MAGALHÃES EM CAPACITAÇÃO

Professor e Mestre de Matemática - Luiz Márcio Imenes (Foto divulgação)

Aconteceu hoje (06), pela manhã, a capacitação dos professores de matemática da rede de ensino municipal de Luís Eduardo Magalhães, no Hotel Porto Center.

Professor a pelo menos 50 anos, Luiz Márcio Imenes é formado em Engenharia Civil pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo e Mestre em Educação Matemática pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Além disso, é autor de obras didáticas e paradidáticas de Matemática pela Editora Moderna da rede municipal de várias cidades, e palestrante de cursos para professores do Ensino Fundamental e Médio na disciplina, e hoje foi a vez dos professores da rede municipal de Luís Eduardo Magalhães.


Segundo ele, os profissionais sentem dia após dia, a necessidade de estimular os alunos a estudar. Completou ainda falando sobre o "gostar" da matemática, sendo para isso necessário conhecê-la.


Luís Eduardo Magalhães vem sendo destaque por seu resultado crescente no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica - IDEB. A exemplo disso, a premiação de alguns alunos pela Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas - OBMEP. 




No evento, fizeram-se presentes o Vice - Prefeito, Alecrim e a Secretária Municipal de Educação, Vera Stresser, que falou sobre a importância da capacitação no processo de ensino.


Os professores se mostraram bastante satisfeitos com a palestra, e ressaltou que esse tipo de trabalho "interno", como a capacitação de professores, ou mesmo formações continuadas, motivam ao trabalho, além de de ser uma ótima oportunidade de compartilhar experiências boas ou ruins, afim de procurar sugestões de melhora ou de ajudar o colega.

Algumas das várias obras de matemática de Luiz Márcio Imenes

Uma das frases mais famosas do Professor e Mestre Luís Marcio Imenes é: "Algumas pessoas gostam de dançar, outras não. Há quem vibre ao dirigir automóveis e quem sinta sono na direção. Como tudo na vida, há quem goste de Matemática e quem não a veja com bons olhos. Mas, para gostar de alguma coisa, é preciso conhecê-la. É preciso experimentá-la e ter a chance de sentir algum prazer neste contato.” 
www.fernandopop.com - Por: Amanda Garcia / Fotos: Helena Garcia
Reações:

0 comentários: