FILHO DE EX-DEPUTADA DE BARREIRAS É PRESO PELA POLÍCIA FEDERAL EM MATO GROSSO

pedrada-capa

Uma ação policial ocorrida no último sábado, dia 16 de maio, no município de Sinop (480 km de Cuiabá), no estado do Mato Grosso, resultou na morte de um policial federal e na prisão de Harysohn Pedrosa Pina, filho da ex-deputada estadual e primeira-dama de Barreiras (BA), Antônia Pedrosa Pina. A Rádio Barreiras entrou em contato com a Polícia Federal de Sinop e confirmou o nome de Harysohn como um dos integrantes da quadrilha que invadiu um aeroclube na cidade e tentou roubar dois aviões.


O fato teria ocorrido na madrugada, quando uma quadrilha fortemente armada chegou a sede do aeroclube conhecido como “Canarinhos”. Os bandidos teriam chamado pelo caseiro e, quando o mesmo atendeu, foi rendido juntamente com a família e um piloto.
Os bandidos teriam chegado primeiro em um veículo VW Saveiro de cor preta com placa de Sorriso (MT), pareciam ser bem informados, pois chamaram a vítima pelo nome, fazendo com que ela não desconfiasse da ação criminosa.

O bando também contava com mais dois veículos com outros criminosos, que teriam chegado num L-200 de cor branca placas OBP-8600, da cidade de Santa Carmem (MT), e um Fiat Strada de cor verde placas QBU- 6228 da cidade de Sorriso (MT).

policial morto
 Policial federal morto na ação em Sinop
 Os criminosos depois de render as pessoas que estavam no local disseram que queriam roubar dois aviões, sendo um Cesna 206 e um outro modelo não revelado.

Os policiais já estariam monitorando a quadrilha e, no momento da abordagem, houve intensa troca de tiros, vitimando um policial Federal alvejado abaixo do ombro. O Policial foi socorrido até ao hospital Regional de Sinop, mas não resistiu ao ferimento e morreu.

Após o confronto, os criminosos adentraram numa área de mata, nas proximidades do aeroporto. Foi montado um cerco ao local, e Policiais militares do 11 BPM, e de toda a região participam desta operação.

O Policial Federal Mário Henrique de Almeida Matos, ingressou na PF em 2013, porém ele era integrante da Polícia Militar do DF, onde trabalhou por 8 anos antes de entrar na PF, e atuava no GRAer. Era casado e não tinha filhos.

PF divulga fotos e oferece recompensa por informação de quadrilha que rouba aviões e matou policial em Sinop (MT).

A Justiça federal expediu mandato de quatro prisões preventivas dos acusados de fazer parte da quadrilha. Os procurados são Daniel Tenório, José Carlos da Rosa Silva (Carlinhos), Rivelino Leismann (Chapolin) e Genivaldo Ferreira dos Santos (“Gaúcho ou Neguinho”).  Os acusados residem em Sinop. As ordens de prisões foram expedidas pelo juiz federal Marcel Queiroz Linhares. A Polícia Federal informou que será dada recompensa de R$ 2 mil “por informações que levem a localização de qualquer dos suspeitos do homicídio do policial federal. Informações deverão ser encaminhadas para o telefone 66- 3511 8200, delegacia da Polícia Federal em Sinop”.

Procurados

procurados

www.fernandopop.com - Da redação RB com informações do sonoticias.com.br e fronteiraalerta.com.br

Reações:

0 comentários: