NOTA DE ESCLARECIMENTO


Em decorrência de informações veiculadas na internet e nas estações de rádio no dia de ontem com acusações de exercício ilegal de medicina, o senhor Edvaldo José da Cruz vem a publico esclarecer suas funções profissionais.

O senhor Edvaldo é optometrista formado, devidamente registrado junto ao conselho de optometria e com muitos anos de experiência profissional no segmento óptico. Ele não é, não se apresenta e nem exerce a profissão de oftalmologista.

Ele exerce sim a optometria, que é a aplicação de técnicas especificas para identificar problemas de acuidade visual, como miopia, hipermetropia e astigmatismo.

Diferentemente do oftalmologista, que trata de doenças do olho e da visão, o optometrista é o profissional do cuidado primário da visão.

Ele realiza exame de avaliação e detecta distúrbios visuais e suas causas e, se preciso, encaminha o paciente para o médico especialista. Aplicando os conhecimentos que tem sobre fisiologia dos olhos, prescreve óculos e orienta pacientes em relação ao uso de lentes ou óculos que corrigem e compensam as deficiências visuais.

Também é sua competência  a montagem de óculos e a confecção de lentes de contato. O optometrista atua em óticas, hospitais e clinicas e é habilitado através de cursos reconhecidos pelo MEC – Ministério da Educação e a profissão é regulada pelo Ministério do Trabalho na Classificação Brasileiras de Ocupações na matricula 3223-05.

A optometria é uma profissão reconhecida por lei desde 1932, através da lei 20.391/32, artigo terceiro.
O senhor Edvaldo se coloca À disposição dos pacientes e autoridades para esclarecer quaisquer outras dúvidas, inclusive podendo apresentar seus documentos probatórios quanto a sua formação.

Barreiras-Ba, 13 de Novembro de 2015
Reações:

0 comentários: