"DESPACHEI ELE", DIZ PAI QUE MATOU FILHO APÓS JOGÁ-LO EM RIO NO INTERIOR DA BAHIA


Um pai foi preso após jogar o filho de seis anos dentro de um rio, no município de Wenceslau Guimarães, sul da Bahia. Em depoimento a polícia, Laércio Conceição dos Santos, de 25 anos, alegou que matou o menino porque ouvia vozes. Ele também revelou que se desfez da criança por causa de uma bruxaria feita pela tia dele.

 — Despachei ele. Eu estava com um negócio me perturbando, me desfiz do meu próprio filho por causa da zuada, pra não atingir outras pessoas também. 

O homem contou que o filho estava dormindo e pegou ele devagarinho, molhou o cabelo para se livrar da bruxaria, abriu a porta da casa e seguiu em direção ao rio Preto. O caso ocorreu na madrugada de segunda-feira (21), porém só foi descoberto após familiares perceberem a ausência da criança. Desconfiados, os parentes do menino questionaram Laércio, que acabou confessando o crime. 

A polícia foi acionada e prendeu o homem em flagrante. Segundo relatos do pai do acusado, o filho tem problemas mentais. No mesmo dia, após buscas pela região, o corpo do menino foi encontrado e encaminhado para o IML (Instituto Médico Legal) de Valença. O acusado permanece custodiado na carceragem da DT (Delegacia Territorial) de Wenceslau Guimarães, à disposição da Justiça. 




www.fernandopop.com - Fonte - R7
Reações:

0 comentários: