CRUCIFIXO NO RETROVISOR DESVIA BALA PERDIDA E SALVA VIDA DE MULHER; ENTENDA O CASO


A carioca Ana Santos, de 52 anos, estava rodando de carro pelas proximidades da Praça Seca, zona oeste do Rio de Janeiro, no banco traseiro de um táxi, quando de repente uma bala perdida perfurou o para-brisa do veículo e a atingiu, causando pânico tanto a ela quanto ao motorista. O projétil acabou raspando em sua boca e feriu também a perna.


Ao jornal Extra, ela relatou o que considera ter sido um milagre: ao quebrar o vidro do veículo, a bala teria resvalado em um crucifixo pendurado no retrovisor e, assim, tido sua direção original desviada - caso contrário, Ana teria sido atingida em cheio. 

"O crucifixo amorteceu a bala. Por isso, ela chegou já com impacto reduzido. Minha boca ficou inchada, claro, assim como a minha perna. Mas imagina só se ela tivesse vindo direto, sem qualquer obstáculo... Não gosto nem de pensar nessa possibilidade. Foi Deus", contou.


Após o ocorrido, nesta quarta-feira (3), ela foi levada ao hospital pelo Corpo de Bombeiros e passa bem.
Reações:

0 comentários: