APÓS DESCUMPRIR CONDIÇÕES DO LIVRAMENTO CONDICIONAL IMPOSTAS PELA JUSTIÇA, AVERALDINHO ENTRA PARA O BARALHO DOS CRIMINOSOS MAIS PROCURADOS NO ESTADO


Condenado a oito anos e oito meses de prisão por chefiar o tráfico de drogas na região do Calabar,  Averaldo Ferreira da Silva Filho, mais conhecido como “Averaldinho”, volta a ser procurado pela polícia, após descumprir  as condições para a permanência da saída por liberdade condicional. Agora no Baralho do Crime ocupando a carta Rainha de Copas, Averaldinho entra para a lista dos mais procurados do estado após participar do carnaval de Salvador, fora do horário permitido pela Justiça.


Após ter imagens circulando nas redes sociais curtindo a festa momesca, - entre outras condições, uma das proibições impostas pelo juiz responsável pela liberação do condenado referia-se à participação de festas de rua - a Polícia Civil, através do Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), requereu a revogação do livramento condicional de Averaldinho, o que foi aceito pela Justiça.

Outra mudança na ferramenta, que permite de forma lúdica a memorização dos bandidos mais procurados no estado e já foi responsável pela captura de inúmeros criminosos, é na carta Rei de Paus, que passa a ser ocupada por Ednelson Nascimento da Conceição, o Mágico ou Belo. Foragido da Unidade Especial Disciplinar (UED) desde 2015, Belo é o principal suspeito de assassinar três irmãos em São João do Cabrito, crime ocorrido em fevereiro deste ano.


Mágico também é procurado por cometer outros crimes nas regiões de Plataforma e São Bartolomeu.
Assessoria de Comunicação Secretaria da Segurança Pública da Bahia
Reações:

0 comentários: