ESTUDANTES DA UFOB REALIZAM ATO PÚBLICO CONTRA A VIOLÊNCIA EM BARREIRAS





Dezenas de estudantes da Universidade Federal do Oeste da Bahia (UFOB) participaram de uma manifestação pelas ruas de Barreiras, na tarde desta segunda-feira (27), reivindicando providências das autoridades para a questão da violência na cidade.

Os manifestantes saíram da reitoria da universidade, na saída para São Desidério, marchando até a Praça Castro Alves, no centro da cidade.


Os estudantes e representantes da comunidade protestavam contra o morte do universitário Carlson Calmon Correia Pereira, de 22 anos, por volta das 4h do último sábado (25), enquanto retornava do Parque de Exposições na companhia de dois amigos.

Carlson se afastou dos dois e foi surpreendido por três assaltantes que o balearam e fugiram do local. O jovem foi socorrido pelos amigos e levado ao hospital em um carro que passava no momento, e encaminhado ao Hospital do Oeste, onde não resistiu à gravidade dos ferimentos e morreu no início da manhã.

Numa entrevista com o estudante Anderson, integrante do Conselho Estudantil, do Movimento Estudantil Unificado. Para o estudante, o crime teve um motivo fútil e a vítima não possuía qualquer envolvimento em atividades delituosas. O jovem cobra providências das autoridades, pois a população do oeste se sente insegura devido à onda de violência.

O ato foi encerrado no centro da cidade com grande presença de populares. Durante todo o percurso, os estudantes receberam apoio de equipes da Cootrans e da Polícia Militar, que ordenaram o trânsito.

Do Sigi Vilares
Reações:

0 comentários: