TRAVESTI É ESPANCADO ATÉ A MORTE EM LUIS EDUARDO MAGALHÃES

7d45fdab-aae4-4276-a7ed-9c5a4c54545c_opt
Um jovem travesti foi encontrado morto na manhã deste domingo, 24,  por volta das 11h 00, no cruzamento da rua José de Alencar com a Janete Clair, no bairro Florais Léa, em Luis Eduardo Magalhães. Suspeita-se que Erielton Souza Sales, de 25 anos, conhecido por “Sabrina” foi morto há pelo menos 6 horas.
Segundo a Polícia, o corpo apresentava marcas de violência na cabeça, principalmente na face e no pescoço. Não existem marcas provocadas por arma de fogo ou instrumento perfurocortante, mas há indícios de brutal espancamento.
Habitantes do bairro dizem que o ponto aonde o corpo foi encontrado é muito escuro e frequentado diariamente por travestis e garotas de programas. Devido ao local onde a vítima estava seminua e com muitos preservativos na bolsa, reforça a hipótese de que o crime possa ter ligação com sua vida afetiva ou sexual.
Erielton tinha se formado em Técnica de Enfermagem em uma das turmas de 2013 do Centro Territorial de Eduacação Profissional da Bahia – CETEP e chegou a exercer a profissão no Hospital do Oeste em Barreiras.
A Polícia segue com as investigações para apurar o caso.


www.fernandopop.com - Fonte - Alô Alô Salomão
Reações:

0 comentários: