MAIS DE 900 FUNCIONÁRIOS TERCEIRIZADOS DESEMPREGADOS EM FORMOSA DO RIO PRETO

Gerson Bonfantti - Foto de divulgação


Panelaço em frente à prefeitura municipal de Formosa do Rio Preto dá início a um vasto leque de reclamações da breve gestão do então prefeito Gerson Bonfantti.

Na manhã de ontem, 10, os funcionários da Cooperativa Cootsamo em protesto aos mais de dois meses de salários atrasados promoveram um panelaço em frente à prefeitura. O contrato foi celebrado ainda na gestão de Jabes Júnior, popularmente conhecido como JJ.

De acordo com informações de alguns funcionários, logo após JJ ser afastado, Gerson Bonfantti teria deixado mais de 900 funcionários terceirizados desempregados e sem receber os salários atrasados rescindindo o contrato. Alguns alegaram perseguição política.

De acordo com uma ex funcionária que preferiu não se identificar por medo de retaliação, muitos funcionários foram demitidos por conta do limite de despesa com a folha previsto na lei de responsabilidade fiscal. Entretanto, outras contratações foram divulgadas no Diário Oficial do Município desde que Bonfantti assumiu a cadeira. Não teria o prefeito recebido alguma recomendação do TCM que a prática estaria em contradição?


É notícia em vários municípios que o TCM tem rejeitado as contas de diversos prefeitos justamente por cometerem esse grave erro.

www.fernandopop.com - Por: Amanda Garcia 
Reações:

0 comentários: