LEM VAI GANHAR ESPAÇO PARA RECUPERAÇÃO DE DEPENDENTES QUÍMICOS


O Prefeito Oziel recebeu em seu gabinete o Dr. Hugo Capel Sica - representante da Fazenda Esperança, obra social que atua há mais de 30 anos na recuperação de dependentes químicos, em parceria com a Igreja Católica. Seu trabalho se baseia no tripé: convivência em família, trabalho como processo pedagógico e espiritualidade para encontrar um sentido de vida.

A Comissão da Instalação da Fazenda Esperança, presidida pelo Dr. Hugo, procurou a Prefeitura com o objetivo de firmar uma parceria para implantar a comunidade autossustentável em Luís Eduardo Magalhães, que acolherá somente mulheres com dependência química.


O projeto já recebeu a doação anônima de uma área de 17 hectares de extensão, localizada no Setor Industrial, para instalação da unidade no município. O projeto da unidade conta com ambientes para alojamentos e espaço para estimular a socialização e integração por meio do desenvolvimento de diversas atividades. 

Considerando a realidade das drogas que assolam o país, não sendo diferente em Luís Eduardo Magalhães, o Prefeito Oziel Oliveira mostrou grande interesse e disponibilidade para ajudar na implantação do projeto que se encontra em fase de desmembramento de terras. 

Infelizmente, o consumo de drogas é algo que se faz presente em muitos lares e continua fazendo vítimas em diversos lugares. Nossas ações estão voltadas para o fortalecimento do sistema educacional, a criação de programas direcionados à prática de esportes, adoção de hábitos saudáveis de vida, capacitação de jovens, incentivo à cultura, importantes aliados na prevenção desse mal que devasta incontáveis famílias. Contudo, não podemos esquecer e preterir os casos existentes no município de dependentes químicos, que necessitam de atenção, cuidado e tratamento. Por isso, a relevância da implantação do Projeto Fazenda Esperança, que visa, sobretudo, resgatar e recuperar mulheres em estado de vulnerabilidade física, social, econômica e psíquica em decorrência do uso de entorpecentes, reintegrando-as à sociedade e reconstruindo os laços com seus familiares. Assim, despertaremos nelas, o sentimento de esperança, confiança, autoestima e dignidade.” Esclareceu Oziel. 


CONHEÇA UM POUCO MAIS DO PROJETO

Espalhada por todas as regiões brasileiras, o projeto FAZENDA ESPERANÇA já conta com uma unidade próxima a Luís Eduardo Magalhães, destinada a pessoas do sexo masculino – na cidade de Dianópolis/TO, que abriga 15 pessoas do gênero masculino. Na unidade, além de receberem acompanhamento psicológico e espiritual, os internos produzem seu próprio alimento e produtos de higiene pessoal como sabão, sabonete e xampu. A produção, além se servir para consumo próprio, também são comercializados por suas famílias, sendo parte da renda gerada, revertida para eles, no valor de 1 (um) salário mínimo a fim de permitir a sua manutenção individual e valorizar o trabalho realizado na Fazenda.


www.fernandopop.com - Fonte- Ascom. P.M.L.E.M
Reações:

0 comentários: