MUQUÉM DO SÃO FRANCISCO - GESTOR BENEFICIA OS SEUS E PERSEGUE POLITICAMENTE QUEM FOI CONTRA

Resultado de imagem para marcio mariano muquem do são francisco
Prefeito Marcio Mariano - foto de divulgação




Não é de hoje que as coisas no município de Muquém do São Francisco não anda nada bem. Prova disso são as denúncias e as inúmeras ações que o prefeito Marcio Mariano responde na justiça, ainda assim, o prefeito se mostra destemido perante à Justiça.

Marcio Mariano é do Partido Progressista  - PP - um dos partidos mais citado em escândalos fraudulentos, a exemplo do lava jato. 

De acordo com um morador da localidade de Batateiras, a população de Muquém sofre as duras perseguições do gestor e de seus comparsas, chegando ao ponto de deixar 22 famílias sem cisternas apenas pelo prazer da vingança.

Nossa equipe esteve na região e tomou conhecimento da situação precária e vergonhosa a que se expõem esses moradores.

Seu Evilásio é um dos moradores que sofre as consequências da perseguição da gestão."Em 2013 mandaram a gente abrir esse buraco e até hoje não fizeram nada". Questionado se era uma questão política que influenciava tamanho descaso, houve apenas uma afirmativa com o balançar da cabeça silencioso e triste. 




Seu Evilásio mostrando que só trouxeram a tampa e alguns canos, mesmo com o buraco aberto há mais de 2 anos

Jutália Silva de Oliveira - Presidente da Associação, núcleo III, das Batateiras também foi entrevistada e não se furtou em falar a realidade que sua comunidade vive. "Aqui veio a fiscalização e avisou que era pras famílias abrirem os buracos, que fazia parte da primeira etapa do investimento. Já veio o material para a segunda etapa, e 22 famílias ficaram sem a conclusão da primeira. Penso eu que se veio a segunda etapa é porque a primeira já deveria estar pronta, e não está. Eu queria que ele ouvisse a comunidade, que tivesse compaixão de nós e que resolvesse, disse  a presidente da Associação.

De acordo com o senhor José Carlos Souza, ex presidente da associação, a comunidade já perdeu as esperanças. "Eu acho que só pode ser problema político, porque as casas que votaram nele tem as cisternas e nós, não conseguimos", disse ele desolado. "Não temos mais apelo nenhum a fazer, só mostrar como está aí. O prefeito Marcio Mariano nem conhece nossa casa aqui, nunca veio. Não apelo mais pro prefeito, só pra Deus ou então daqui pra frente ver o que acontece", finalizou triste.


O senhor José Carlos mostra o perigo que sua família vive com o buraco aberto à espera da cisterna 

HISTÓRICO

Segundo denúncias protocoladas no Ministério Público, Marcio Mariano, prefeito de Muquém do São Francisco permite que o ex prefeito Zé Nicolau, como é popularmente conhecido, hoje ficha suja assuma o cargo de Secretário de Agricultura, o que já é um disparate, uma vez que é vedado pela justiça que prefeitos que tem suas contas rejeitadas e, consequentemente, tornou-se ficha suja sejam agentes políticos.

              

Permite ainda que vários pontos "fantasmas" sejam alugados gerando prejuízo para o erário público. A exemplo a renovação do contrato de locação de imóvel com o senhor Aroldo Silva Ribeiro, situado no Distrito de Javi. De acordo com o extrato de contrato que se encontra no Diário Oficial de Muquém do São Francisco, o imóvel é alugado para atender as necessidades da Secretaria de Assistência Social por um ano, fato que já ocorreu em anos anteriores, salvo não fosse que este mesmo local já foi alugado e nunca foi utilizado para fins municipais e sim, de acordo com denúncia, para guardar em seu interior capim e equipamentos agrícolas de seu proprietário.

                                      

Temos ainda o contrato de locação de Senilva Souza da Costa, sob o objeto de atender as necessidades da Secretaria Municipal de Educação de Muquém do São Francisco, num período de 1 ano. Os moradores não se sentiriam tão inconformados caso o local realmente fosse utilizado para atender as demandas do setor de Educação do município, porém, mais uma vez, o local encontra-se fechado, em péssimo estado com o nome: LAN HOUSE.

                                    
Para resumir, a grosso modo, o atual gestor se usa de seu cargo para beneficiar os mais próximos de forma ilícita e persegue quem precisa apenas que um projeto seja concluído, como o caso das cisternas na zona rural.

De acordo com a atual presidente da Associação, já foram entregues vários abaixo assinados, ofícios e protocolos na prefeitura na tentativa incansável de que a comunidade daquela localidade seja ouvida e nada foi feito.

A população clama por justiça e que se faça valer a lei. 

www.fernandopop.com - Fotos e texto: Fernando Pop
Reações:

0 comentários: