PLACAS DO MERCOSUL COMEÇAM A SER INSTALADAS NESTA QUARTA NA BAHIA

As placas do Mercosul começam a ser instaladas nos carros da Bahia nesta quarta-feira (26), a partir das 8h. Para atualizar o sistema, o Detran suspendeu os serviços de emplacamento, desde sexta-feira (21). 
Quem já estava com processo de emplacamento aberto, continuará com o modelo antigo. Quem fez o pedido após o dia 21, já vai fazer o emplacamento Mercosul, sem custo adicional. 
A fabricação da placa cinza está proibida a partir de hoje. O padrão Mercosul será obrigatório para veículos novos e nos casos de transferência de propriedade e estado, mudança de município e categoria e troca de placas atuais danificadas. Para tirar dúvidas, o cidadão pode acessar o site do Denatran (www.denatran.gov.br) ou entrar contato com o Detran pelo telefone (71) 3116-4206.
Entenda como será a nova placa
As novas placas são adotadas por outros países do Mercosul visando padronizar a identificação de veículos de membros do bloco — assim como acontece na União Europeia. 
Além disso, o novo padrão oferece maior possibilidade de combinações, devido à sua sequência de identificação. Atualmente, as placas no Brasil seguem padrão de três letras e quatro números (AAA-1111), mas com o novo formato o padrão será de quatro letras e três números (AAA1A11). Números e letras não seguirão um padrão fixo, com exceção do último caractere que deverá ser obrigatoriamente um número para não prejudicar os esquemas de rodízio municipal.
Um dos argumento da unificação das placas entre os países do Mercosul é facilitar a fiscalização nas fronteiras. Com um sistema unificado, será possível o intercâmbio de informações entre os países e a unificação do sistema de consultas das placas. O repasse e a consulta de multas aplicadas fora do país de origem do veículo também será facilitado.
Outra exclusividade é o chip que será instalado em cada placa. Ele é compatível com o Sistema Nacional de Identificação Automática de Veículos (Siniav) e funcionará como um sistema de cobrança automática em pedágios. Ao passar por antenas instaladas nas vias, informações sobre chassis, ano, modelo e placa serão transmitidas para os órgãos de trânsito. O chip também substituirá o lacre das atuais placas.
O que muda?
- Placa com QR Code e marca d’água;
- Placa com fundo branco e faixa azul, no lugar da placa cinza existente hoje;
- O novo modelo possui quatro letras e três números – o atual tem três letras e quatro números.
- A placa ainda possui o distintivo BR e, no lado direito, a bandeira do país, seguida pela bandeira do estado e pelo brasão da cidade.
- A categoria dos veículos será indicada pela cor da combinação alfanumérica: particular (preta), comercial/aprendizagem (vermelha), oficial (azul), especial (verde), diplomático (amarela) e colecionador (prateada). 
- O tamanho continua o mesmo com 40 cm de largura e 13 de altura.
- A tarjeta passa a ser representada pelo brasão do município e não mais pelo nome da cidade de forma escrita.

www.fernandopop.com - Fonte:Correio 24h
Reações:

0 comentários: